top of page

MINHA BELEZA, MINHA INSPIRAÇÃO: GRUPO L’ORÉAL NO BRASIL E TIME NAURÚ LANÇAM CAMPANHA DE EMPODERAMENTO NO ESPORTE PARALÍMPICO

Com cenário dentro dos ambientes de treino, os atletas contam como a beleza os inspira a celebrarem suas jornadas



Em uma iniciativa dedicada à inclusão e ao empoderamento por meio do esporte, o Grupo L’Oréal no Brasil se une ao Time Naurú para lançar a campanha "Minha Beleza, Minha Inspiração", que busca ir além dos limites convencionais da representatividade, explorando a essência da beleza e as jornadas pessoais dos atletas paralímpicos. 


O Time Naurú, liderado pela atleta paralímpica Verônica Hipólito, visa desenvolver atletas com e sem deficiência, da iniciação esportiva ao Altíssimo Rendimento. Como parceiro, o Grupo L’Oréal no Brasil reforça seu compromisso de criar a beleza que move o mundo, uma beleza ainda mais diversa e inclusiva, promovendo uma visão de beleza que transcende as barreiras físicas e sociais. A empresa irá financiar o treinamento e a manutenção do aparato esportivo dos 81 atletas de alta performance, além de projetos sociais nas mesmas modalidades para mais de 185 jovens em situação de vulnerabilidade social. 


Para representar essa mensagem, em uma campanha 100% digital, o Grupo L´Oréal convidou Verônica Hipólito, Viviane Soares, Fabrício Ferreira e Cecília Araújo, integrantes do time Naurú, para contarem como a beleza os motivou a conquistarem seus objetivos no esporte e na vida. O primeiro episódio da campanha reúne os quatro paratletas compartilhando seu olhar de beleza individual. A segunda série retrata individualmente, com mais profundidade, o impacto que a beleza tem na trajetória de cada um. Os conteúdos serão veiculados nas redes sociais do Grupo L ´Oréal no Brasil (@lorealgroupe_br), Time Nauru (@timenauru) e nas redes sociais dos grandes protagonistas. 


“A iniciativa representa um marco na trajetória do Grupo L’Oréal no Brasil. Pela primeira vez estamos unindo a beleza com o esporte no país e isso é o que queremos, cria a beleza que move o mundo de maneira ainda mais diversa e inclusiva. A campanha Minha Beleza, Minha Inspiração reforça essas mensagens com os atletas Fabrício Ferreira, Verônica Hipólito, Viviane Soares e Cecília Araújo. Suas histórias inspiram milhões de pessoas a perseguir seus sonhos e acreditar na sua beleza e no que o esporte representa.”, pontua Márcia Silveira, Head de Diversidade e Inclusão do Grupo L’Oréal no Brasil. 


Segundo a Veronica Hipólito, líder do Time Naurú, “Essa campanha nos apresenta de uma forma completamente diferente, valorizando nossas diferentes características físicas e potencialidades, e não nos tratando de forma capacitista. Podemos falar das nossas particularidades de maneira diversa e inclusiva. A parceria entre o Time Naurú e o Grupo L’Óreal mostra que é possível sonhar com um mundo melhor, com equidade e inclusão”.


A jornada de cada atleta

  • Verônica Hipólito – Atleta Paralímpica de Atletismo

“Minha beleza me faz ser protagonista da minha própria história.” 


“Meu primeiro contato com o atletismo foi com 13 anos, mas foi com 16 para 17 anos, quando consegui o índice para o meu primeiro campeonato mundial adulto. Ao completar 18 anos, comecei a receber prêmios e bolsas. O esporte mudou a minha vida para sempre em todos os aspectos. Meus pais, meus grandes exemplos, não me incentivaram a ser uma campeã, mas sempre valorizaram o que eu poderia aprender no esporte. O amor pelo esporte é o meu propósito de vida. Quando precisei parar de treinar por qualquer problema que enfrentei, eu nunca desisti de voltar. Acredito mais no esporte do que na medalha. As medalhas ficam, os recordes são superados, mas o que realmente importa são os valores que o esporte ensina. Toda vez que entro na pista, eu lembro de como foi a primeira vez e valorizo a jornada que me trouxe até aqui. Através da prática esportiva, eu descobri a autoconfiança, elevei minha autoestima, e percebi que poderíamos impactar e transformar vidas para melhor. O esporte me tornou a menina que conquistou o mundo e a minha beleza me faz ser protagonista da minha própria história.” 


Grandes Conquistas: Parapan-Americanos: três medalhas de ouro e uma medalha de prata em 2015 em Toronto; três medalhas de prata em Lima em 2019. Mundial de Paratletismo: uma medalha de ouro e uma medalha de prata com 1 recorde mundial em 2013. Paralimpíada: uma medalha de prata e uma medalha de bronze no Rio de Janeiro em 2016.


  • Viviane Soares – Atleta Paralímpica de Atletismo

“Minha beleza me inspira a continuar dando o meu melhor sempre. Por mim e pelas outras pessoas.” 


“O esporte entrou na minha vida aos 18 anos a partir do incentivo de meu professor de educação física no Instituto Benjamin Constant, Centro de referência nacional na área da deficiência visual no Rio de Janeiro. Desde muito nova, eu participo de competições nacionais e internacionais o que me deu um desejo muito forte de evoluir, melhorar. Apesar de levar sempre um sorriso no rosto, nem sempre os tempos foram fáceis. Precisei sair do Rio de Janeiro muito nova, mas a pista é o meu lugar de ser feliz. Sou considerada uma das oito atletas paralímpicas mais rápidas do mundo, de todas as classes, de todo o movimento e acredito que meu aprendizado no esporte me ajuda a ser melhor para a sociedade. Sempre participo das competições com meu guia Newton o que me faz aprender, diariamente, sobre liderança, parceria e resiliência. Aprendi a reconhecer a minha própria beleza através do esporte e isso foi essencial para abraçar meu sonho de me tornar uma atleta. Minha beleza me inspira a sempre evoluir, dar meu melhor. Meu sonho é estar em uma final paralímpica e deixar um legado para outras pessoas, mas, principalmente, para as crianças. “ 


Grandes Conquistas: Parapan-Americanos: uma medalha de prata 2011 em Guadalajara; duas medalhas de prata e uma medalha de bronze em Lima em 2019. Mundial de Paratletismo: uma medalha de bronze em 2019. Paralimpíada: 4º lugar em Londres, 2012.


  • Fabrício Ferreira - Atleta Paralímpico de Atletismo

“Minha beleza me inspira a viver o melhor da vida.” 


“O esporte entrou na minha vida através de uma indicação da minha tia para uma associação esportiva. Olharam para mim e apostaram no atletismo como esporte ideal pelo meu porte físico. Foi um meio de reabilitação para um jovem que estava em casa, sem compromisso com a vida por conta da depressão por estar perdendo a visão, mas a virada de chave foi quando eu fui para uma paralimpíada escolar. Nesse evento, eu conheci o Yohansson Nascimento, atual vice-presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, que olhou para mim e disse ‘você tem tudo para ser um atleta de ponta. Só depende de você’. Ele me deu uma sapatilha como símbolo dessa confiança, eu aceitei e levei isso para minha vida. Em 1 mês, eu já estava representando o estado de Santa Catarina em competições estaduais. Em 3 anos, passei a representar o Brasil em jogos Parapan-Americanos de jovens. A minha trajetória foi pequena, rápida, mas com muitos altos e baixos. Muitas vezes eu pensei em desistir, mas, aos poucos, fui desenvolvendo um grande amor pelo esporte. A partir daí, nunca mais parei e despontei em grandes competições internacionais. Eu trabalho muito nas minhas redes sociais com motivação. O trabalho mental, a constância e a resiliência são fundamentais. Algumas vezes, quando não estou bem fisicamente, mas preciso participar de competições importantes eu vou além do meu corpo e busco a resiliência e o foco para concluir aquele momento. Isso me faz muito bem. A minha beleza me inspira a viver o melhor da vida, sempre.” 


Grandes Conquistas: Parapan-Americanos: Uma medalha de ouro e uma medalha de bronze em Lima, 2019; uma medalha de Ouro em Santiago, 2023. Mundial de Paratletismo: Finalista e 4ª colocado em 2017; uma medalha de bronze em 2019; uma medalha de prata em 2023. Paralimpíada: 6º lugar no Japão em 2021.


  • Cecília Araújo - Atleta Paralímpica de Natação

“Minha beleza é o que me transforma e me torna uma referência para as próximas gerações.” 


“Eu sou natural do Rio Grande do Norte, e com 2 anos comecei a praticar natação como uma alternativa para a fitoterapia, mas com o tempo, o esporte foi fazendo cada vez mais parte da minha vida. Aos 10 anos fui convidada para fazer parte de um time de natação e aos 15 anos de idade, me mudei para São Paulo para fazer parte do time que hoje é o Time Naurú. Na época, eu fiquei pensando qual caminho eu deveria seguir, já que tinha acabado de passar para o curso de Informática para Internet no IFRN, mas o esporte acabou falando mais alto. O esporte paralímpico abriu várias portas para a minha vida, e saber que eu sou uma referência para as futuras gerações é um dos valores que mais importantes para mim. Ele é o que me faz pulsar, é algo que fez transformar a minha vida. Olhando para tudo o que já vivi, um dos momentos mais marcantes da minha carreira foi Tóquio 2021, foi algo que eu nunca vou esquecer. Naquela época eu estava passando por várias adversidades, mas o suporte que eu tive das pessoas foi muito marcante, ter elas comigo fez com que eu chegasse ao pódio. Minha beleza é o que me transforma e me torna uma referência para as próximas gerações.” 


Grandes conquistas: Parapan-Americanos: Duas medalhas de Bronze em 2015 em Toronto; uma medalha de prata e uma medalha de bronze em 2019 em Lima e quatro medalhas de ouro, duas medalhas de pratas e duas medalhas de bronze em Santiago em 2023. Mundial de Natação: uma medalha de ouro em 2017, uma medalha de prata em 2019, uma medalha de ouro e uma medalha de prata em 2023 e duas medalhas de ouro e 3 medalhas de bronze em 2023. Paralimpíada: uma medalha de prata em 2021 no Japão. 




Por,

Gisele Barros

Editora Chefe do Portal ALL SENSEZ

Especialista no Mercado de Fragrâncias

Consultora de Comunicação Especializada em Perfumaria





Commentaires


bottom of page